Os 6 passos da importação/exportação de arquivos de remessa/retorno para registro e envio de boletos | Dunning

Os 6 passos da importação/exportação de arquivos de remessa/retorno para registro e envio de boletos

Em linhas gerais, o processo de conciliação bancária utilizando o Dunning consiste de 7 passos:

1) O usuário configura os dados da conta bancária no Dunning (feito apenas uma única vez);

2) Os títulos são cadastrados usando a interface web do sistema, importados através de arquivos (FTP) ou integração com ERP via web service;

3) O usuário gera um arquivo de remessa a partir do Dunning;

4) O usuário exporta o arquivo de remessa para o site do banco (registro dos boletos na instituição financeira);

5) O usuário importa um arquivo de retorno do site do banco para o Dunning (para geração e envio dos boletos);

6) O usuário gera manualmente cada boleto utilizando a interface web do Dunning ou gera um conjunto (lote) de boletos que serão anexados e enviados via email automaticamente pelo sistema;

Geralmente, o processo de geração de arquivos de remessa a partir do Dunning e exportação para o site do banco, bem como a geração dos arquivos de retorno do site do banco para envio ao Dunning se dá diariamente por conta da movimentação financeira diária da maioria das empresas. Caso a empresa possua ERP e este esteja integrado com o Dunning através de web service ou FTP, esse processo (importação/exportação diárias de arquivos de remessa/retorno) pode ser automatizado.